terça-feira, 22 de fevereiro de 2011

ICTERÍCIA FELINA


Uma dificuldade que venho identificando na clínica é como diferenciar os tipos de icterícia demonstrados pela espécie felina. Muitos tem ainda uma visão limitada das doenças que podem acometer os gatos e acabam simplificando o diagnóstico em Haemobartonelose, lipidose ou platinossomíase. Algo que inviabiliza a administração da terapia específica de certas doenças e é um motivo que explica a não evolução positiva do quadro clínico.
O primeiro passo é identificar a icterícia observando se as mucosas estão amareladas, de modo geral o nível de bilirrubina total sérica está acima de 2,0 mg por decilitro .
O segundo coletar dados durante a anamnese que irão auxiliar na elaboração de uma lista de diagnósticos diferenciais tais como:
PROBLEMA É AGUDO OU CRÔNICO
ANOREXIA PROLONGADA
HISTÓRICO DE CAÇA
INGESTÃO DE MEDICAMENTOS
ECTOPARASITAS (PULGAS)
LIVRE ACESSO A RUA

VACINAÇÕES

O terceiro passo é observar ao exame clínico apatia, caquexia, grau de desidratação, hepatomegalia, coloração da pele e se além da icterícia as mucosas estão hipocoradas.
O quarto passo associar os dados obtidos na anamnese e a sintomatologia com os possíveis diagnósticos diferenciais:
PRÉ-HEPÁTICAS (HEMÓLISE)
•HEPÁTICAS
•PÓS-HEPÁTICAS (OBSTRUTIVAS)
Para que se enquadre nas causas hemolíticas é necessário que o hematócrito diminuído (abaixo de 18), geralmente a icterícia é mais branda que as outras. As enzimas hepáticas podem está ligeiramente elevadas. Pode se observar em alguns casos hemoglobinúria e hemoglobinemia. Depedendo da etiologia ou doenças concomitantes a anemia é regenerativa.
As causas possíveis são:
HAEMOBARTONELOSE
ANEMIA POR CORPÚSCULO DE HEINZ
IMUNOMEDIADAS
As doenças hepáticas estão associadas a uma Icterícia marcante e bilirrubinúria. Há elevação das transferases (ALT,AST) e pode ter elevação discreta de fosfatase alcalina. O Hematócrito é normal ou ligeiramente diminuido. Dependendo da progressão da doença ( aguda ou crônica) o fígado adquire tamanho variável.
Causas :
Primárias
Colangiohepatites
Peritonite infecciosa felina
Anormalidades porto-sistêmicas
Neoplasias primária
Secundárias
Toxinas /Medicamentos
Septicemia
Neoplasias metastátias

O causas obstrutivas do sistema biliar estão relacionados a altos níveis de bilirrubina conjugada, elevação de FA e GamaGT. Bilirrubinúria mais acentuada que na icterícia hepática.Aumento do tempo de coagulação.
Os diagnósticos diferenciais são:
•Lipidose
Platynosomum sp,
Pancreatite,
Neoplasias,
Cálculos
Fibrose (colangite crônica)

4 comentários:

Joao Baqui disse...

Essa menina é fera!

Evandro R Perotto disse...

Eu deveria ter lido esse post a tempo de evitar a morte de meu gato Frajola ontem... :(

Claudia freitas disse...

Boa noite!
Gostaria de saber se vc poderia me ajudar com meu gato...
Pois ja estou a cuidsr dele a mais de 30 dias como se fosse lipdose hepatica,mas as medicacoes nao estao surtindo efeito...
E de uma semana para k ele st todo amarelo o couro,as gengivas e os olhos q ate parecem olhos de cobra de tai amarelos...
Oq posso fazer pars salvar o meu xuxu...
Medicacao
Omeprazol vet
Dox 100 (antibiotico)
Ferro food
In
Interferon
Carnislim
Legalon
Se puder me ajudar ficaria muito grata!
Alimentacao
Recovery
Danone
Agua mineral
Agua de coco
Por favor se puder me ajude pois ja nao sei oq fazer para nao perdelo...
Dsd de ja muito obrigado!

Claudia freitas disse...

I